Florais

O que são os Florais?

Os Florais são essências extraídas de flores específicas, que tem como objetivo transformar estados mentais e emocionais negativos em positivos, através do que Bach chamou de “lei dos Opostos”, ou seja, para cada emoção ou estado mental negativo como: tristeza, depressão, medo, pânico, stress, nervosismo, solidão, ansiedade, entre outros, existem essências florais que trazem as virtudes opostas e positivas, como: alegria de viver, coragem, tranqüilidade, autoconfiança, segurança, paz e assim por diante, proporcionando equilíbrio físico, mental e emocional e muito bem-estar á todos que se beneficiam com os florais.

Os florais não são remédios, não são homeopatia e nem fitoterápicos, pois não possuem nenhum princípio ativo.

São feitos apenas com a parte energética e vibracional das flores. São extremamente naturais e não apresentam nenhum efeito colateral. Podem ser utilizados por pessoas de todas as idades, desde recém-nascidos até pessoas bastante idosas. Animais e plantas também se beneficiam muito com o uso dos florais.

É importante saber que os Florais fazem parte de uma terapia. Como tratam as causas e não os sintomas, é indispensável a consulta com um terapeuta, para que este possa investigar  junto à pessoa que procura esse tratamento, quais são as causas emocionais que estão gerando os sintomas em sua vida e em seu organismo. Por isso que duas pessoas com o mesmo sintoma, podem necessitar de essências florais totalmente diferentes. Essa é uma das grandes diferenças com a alopatia, pois enquanto existe um remédio alopático específico para dor de cabeça, na terapia floral será sempre investigado o que de fato gerou a dor de cabeça naquele indivíduo, podendo ser, por exemplo, uma preocupação com pensamentos persistentes (e aí se utilizará uma essência específica para isso), ou um grande medo (outra essência será utilizada neste caso).

Os florais são utilizados de maneira preventiva e também quando já se apresentam sintomas. Não substituem tratamentos médicos, os quais jamais devem ser interrompidos, mas são excelentes coadjuvantes, complementando-os.

Na clínica utilizamos o florais juntamente com os demais tratamentos. Por exemplo com o Reiki, durante o tratamento com Hipnose Clínica ou em preparação para a Constelação.

Origem

Na década de 30, o médico inglês Dr. Edward Bach, criou um sistema chamado: “Florais de Bach” ao perceber que mais importante do que tratar os sintomas apresentados pelos pacientes, era investigar as causas emocionais que os geraram e tratá-las, pois os sintomas são apenas reflexos destas. Ele costumava dizer “Não existem doenças, existem pessoas doentes. Tratem os doentes e não as doenças”.

Quem pode fazer o Tratamento?

As essências florais buscam somente o equilíbrio emocional e beneficiam pessoas em todas as idades, nos seus problemas típicos:

  • Bebês agitados, nervosos, medrosos, com cólicas, etc.

  • Crianças com problemas de convivência na escola, com os pais ou com os irmãos, superagitadas, hiperativos, etc.

  • Adolescentes com acne, rebeldes ou inseguros quanto aos relacionamentos, drogas e escolha de profissão.

  • Adultos e Idosos que precisam de apoio em situações tanto circunstanciais (momentâneas) quanto estruturais (já cristalizadas).

  • Família: para equilíbrio das relações familiares entre pais e filhos.

  • Casal: amigos, namorados, casados, com problemas no relacionamento, em processo de separação ou separados.

  • Animais Domésticos ou Selvagens, que estão estressados, tristes, assustados, com alguma dificuldade de adaptação ou passando por algum tipo de manejo (transporte) que causa irritabilidade, medo ou tensão.

  • Plantas que são transplantadas, que estão com parasitas, que perderam a sua energia e estão ‘desfalecidas’, que não crescem, etc.

Indicações

A nossa terapia floral é indicada em:

  • Casos de Emergência: após acidente, surto, aborto, estupro, antes de cirurgias, luto, etc.

  • Situações Extremas: depressão profunda, tentativa de suicídio, compulsão por álcool ou drogas, síndrome de pânico, .

  • Fases de Mudança: desmame, controle de esfíncter, início de educação escolar, puberdade, adolescência, começo de carreira, casamento, gravidez, nova residência, novo emprego, divórcio, menopausa, aposentadoria, morte de pessoas queridas ou doença terminal.

  • Situações de Desequilíbrio: ansiedade, nervosismo, insônia, impaciência, depressão, medo, tristeza, raiva, ódio, ciúmes, culpa, desconfiança, agressividade, mágoa, ressentimento, preocupação, desânimo, cansaço, tensão pré-menstrual, problemas com a sexualidade, distúrbios do apetite, frustração, dificuldade de concentração e aprendizado, falta de esperança, confiança ou criatividade, solidão, rejeição, intolerância, crítica, vontade enfraquecida, indecisão, perda de controle, repetição de erros, amor possessivo, auto-aversão, pessimismo, carência, saudade do passado, estresse, exaustão, melancolia, insatisfação com a vida (pessoal e profissional), rigidez, traumas antigos, abatimento, fanatismo, necessidade de domínio, memória fraca, resistência à mudança, orgulho, pensamentos recorrentes, apatia, amargura – só para citar as mais freqüentes.

  • Para Auto-conhecimento: onde a pessoa vai identificar os seus pontos positivos e melhorar os negativos, buscando o equilíbrio entre os corpos: emocional, mental físico e vibracional.

  • No caso de Doenças Físicas Graves, as essências florais não substituem o tratamento médico convencional, mas apresentam ótimos resultados como terapia de apoio. Mesmo em casos extremos como paralisia cerebral, câncer e aids (HIV positivo), as essências florais proporcionam maior equilíbrio emocional e bem-estar.

No final da consulta

O terapeuta floral receitará as essências florais, plantas e alimentos funcionais para cada situação emocional e física ; você receberá um receituário individual (para ser aviado numa farmácia homeopática ou de manipulação). São respeitados todas as crenças e religiões do paciente.

Exemplos de Tratamento por Categorias

  • O Emocional que atinge o Físico: cansaço/estresse/esgotamento, sistema imunológico, obesidade, acne, gastrite, etc.

  • O Emocional que atinge o Mental: cansaço mental, falta de memória, pensamentos recorrentes, etc.

  • Comunicação: timidez, voz presa, excessiva expansividade, etc.

  • Emoções Básicas: depressão/desencorajamento, raiva/ódio/ressentimento, impaciência, ansiedade, medo, crítica, baixa auto-estima.

  • Crianças: dificuldade de se adaptar na escola, de dividir brinquedos, xixi na cama, sentimento de rejeição pelos pais, etc.

  • Adolescentes: sentimento de culpa e inadequação, dificuldade de se relacionar, timidez, vergonha do corpo.

  • Estudantes: dificuldade de memorização e aprendizado, medo de falar em público e de se relacionar na escola.

  • O Emocional que atinge as Mulheres na: dificuldade de engravidar, gestação, TPM, dupla jornada, etc.

  • Homens: falta de sensibilidade e dificuldade de expressar sentimentos.

  • Idosos: saudosismo, medo da morte, dificuldade de se adaptar às mudanças do mundo, reumatismo, falta de vitalidade, depressão, abandono.

  • Preso ao Passado/Futuro: medo do futuro, ligação ao passado.

  • Relacionamentos: agressividade, falta de amor, dificuldade de se relacionar, dificuldade de confrontar relacionamentos abusivos e viciados, falta de calor sexual, dificuldade de se libertar de relacionamentos que já acabaram (esquecer ou perdoar), etc.

  • Espiritual: falta de fé, dificuldade de se concentrar para rezar ou meditar.

  • Artistas: criatividade, memorização de textos, L.E.R. (lesão por esforço repetitivo), etc.

  • Traumas: abuso ou violência sexual, estupro ainda no útero ou na infância, perdas dolorosas.

  • Material: medo de falta dinheiro, medo de faltar comida, dificuldade de dividir e compartilhar, etc.

  • Empresas: atendimento, paciência, simpatia, concentração, trabalho em equipe, mudanças nas empresas, incerteza, medos, estresse, etc

  • Profissionais: desenvolvimento da carreira profissional.

Alerta: As Essências Florais tratam somente das Emoções

  • Alertamos que as essências florais não tratam das doenças físicas e sim das emoções da pessoa. Portanto, todo paciente com sintomas físicos deve procurar um médico para receber o tratamento adequado (caso seja um animal, deve-se procurar um veterinário).

A Terapia Floral não substitui qualquer tratamento médico ou veterinário.

A Automedicação

O trabalho com as essências Florais de Bach impele a pessoa a sua consciência, ao seu auto-conhecimento e à noção de responsabilidade que deve ter com a sua própria saúde. Se a pessoa já conquistou um nível tal que possa atravessar os seus processos sem ajuda de profissionais, não há qualquer contra-indicação à auto-medicação. Mas, se ela vive processos crônicos de desequilíbrio e não tem plena segurança de fazer essa travessia sozinha, então deve buscar apoio externo de um terapeuta floral.

Embora, as essências florais sejam inócuas,  se alguém tomar um determinado floral sem apresentar o sintoma para o qual é indicado, não haverá efeito colateral, é muito difícil a pessoa  sozinha, saber identificar o problema emocional que mais a aflige. E, além disso, mesmo que esteja sofrendo nitidamente de depressão, existem várias essências para o problema, mas cada uma para uma causa específica.

O Sigilo das Informações

As informações serão totalmente sigilosas e o terapeuta floral respeitará o Código de Ética dos Practitioners da The Dr. Edward Bach Foundation, da Inglaterra e do SINTE (Sindicato dos Terapeutas) do Brasil.

Endereços:​

Barueri

Alameda Grajaú, 60 Cj 907 - Alphaville Industrial

Tel.: (11) 2680-2888

São Paulo

Avenida Paulista 2073, São Paulo

Ed. Horsa 2 cj. 101 Edifício Louis Pasteur.

Tel.: (11) 3179-0101

 (11) 97473-7447

  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon